English

Congresso Value Investing Brasil 2010

(26 DE MAIO DE 2010)



Palestrantes:

André Gordon — GTI Administração de Recursos (São Paulo)
Investment picks — melhores investimentos no momento” (painel)
Sócio-fundador da GTI Administração de Recursos, gestora independente, focada no mercado brasileiro de ações. Com mais de 17 anos de experiência no mercado financeiro, André Gordon passou pelas mesas de operações de renomadas instituições financeiras, como Banco Itaú BBA, Santander e Banco Bozano, Simonsen. Membro do Conselho Fiscal e da Comissão Técnica da AMEC, é economista pela FEA/USP e mestre em Economia pela EPGE/FGV-RJ.


Fabio Alperowitch — FAMA Investimentos (São Paulo)
“Analisando e investindo em empresas imprevisíveis”
Fabio Alperowitch, CFA é sócio fundador da FAMA Investimentos, empresa independente de gestão de recursos fundada em 1993 e focada em ações small caps e private equity. Atualmente gere patrimônio de cerca de R$ 1,7 bilhão, predominantemente de universidades, fundos de pensão e seguradoras. Seu fundo mais tradicional — o Futurewatch — acumula o retorno de 37% ao ano há mais de 15 anos. Fabio Alperowitch é membro dos Conselhos de Administração da Magnesita, M. Dias Branco e LogIn. É formado em Administração de Empresas pela Fundação Getulio Vargas e possui a certificação CFA — Chartered Financial Analyst.


Guilherme Affonso Ferreira — Bahema Participações (São Paulo)
“Ativismo em empresas sem controle definido”
Presidente da Bahema Participações, é membro do Conselho de Administração das seguintes empresas: Pão de Açúcar, Eternit, HSBC Fundo Multipatrocinado, Tavex e Rio Bravo Investimentos. Também é membro do Conselho de Investimento do Rio Bravo Fundamental FIA e do Conselho Consultivo do Banco Signatura Lazard. Guilherme Ferreira é formado em Engenharia de Produção pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo e estudou Economia e Política no Macalester College (Minneapolis).


Luiz Francisco Guerra — PRAGMA Patrimônio (São Paulo)
“Selecionando e co-investindo com gestores com foco em valor”
Luiz Francisco Guerra é sócio da PRAGMA, responsável pela gestão de ativos líquidos com foco em renda variável internacional e local. Anteriormente, foi gestor de renda variável da Janos desde 2000 e, a partir de 2002, membro do comitê de alocação global da mesma. Atuou na VBC Energia (Votorantim, Bradesco e Camargo Corrêa) participando do processo de privatização do sistema elétrico brasileiro. Trabalhou na diretoria financeira do Grupo Abril. É membro do Conselho da Pini Editora e do Grupo Klick. É CFA, mestre em Administração pela Fundação Getulio Vargas e Engenheiro de Produção pela Universidade de São Paulo.


Mario Fleck — Rio Bravo Investimentos (São Paulo)
“Criando valor com ativismo”
Mario Fleck é presidente da Rio Bravo, gestora de recursos independente, especializada no mercado brasileiro. Por quatro anos, foi diretor de renda variável e ajudou a criar o Rio Bravo Fundamental FIA, fundo de valor e ativismo do qual continua sendo o gestor. Antes disso, trabalhou 28 anos na Accenture, sendo 14 como o presidente da empresa no Brasil. Formou-se em Engenharia Mecânica e Industrial pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro. É membro do conselho de administração da Cremer, Bematech e Eternit, foi conselheiro da Nossa Caixa, Unipar e Ferbasa e é conselheiro da Direct Talk, empresa não listada em bolsa. É vice-presidente da Federação Israelita de São Paulo e da Câmara de Comércio Brasil-Israel.


Mauricio Bittencourt — M Square Investimentos (São Paulo)
“Value Investing: variações sobre o mesmo tema”
Sócio da M Square desde abril de 2007 e gestor dos fundos de ações brasileiras. Anteriormente, foi sócio associado do Banco Pactual (2005-2007), sócio do Synthesis Asset Management/Synergy Funds (2003-2005) e sócio/gestor da Investidor Profissional (1992-2003). Possui bacharelado em Economia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro.


Mauro Rodrigues da Cunha — Mauá Sekular Investimentos (São Paulo)
Investment picks — melhores investimentos no momento” (painel)
Mauro Rodrigues da Cunha, CFA é sócio e gestor chefe de renda variável da Mauá Sekular Investimentos. De 2001 a 2007, foi diretor de investimentos da Franklin Templeton Asset Management e de sua antecessora Bradesco Templeton. Entre 1998 e 2001 foi sócio da Investidor Profissional. Além de ter sido Presidente do Conselho do Instituto Brasileiro de Governança Corporativa (IBGC) e ter feito parte do Conselho de Administração de diversas empresas, sua carreira também inclui passagens pelo Banco Pactual, Pactual Asset Management, Morgan Stanley Asset Management, Deutsche Morgan Grenfell e Bank of America Latam Private Equity. É graduado em Economia pela PUC-RJ e possui MBA pela Universidade de Chicago. É CFA desde 1997.


Renato Opice Sobrinho — Pavarini e Opice Gestão de Ativos (São Paulo)
Investment picks — melhores investimentos no momento” (painel)
Renato Opice Sobrinho é sócio responsável pela gestão de carteiras da Pavarini e Opice Gestão de Ativos. É gestor do Fundo Pavarini I FIA, que, de abril de 1997 (seu início) até fevereiro de 2010, tinha retorno de 1961% — o que se compara ao retorno de 582% do índice Ibovespa no mesmo período. Iniciou sua carreira em 1977, como analista de investimentos. Foi administrador de carteiras do Banco de Boston, tendo, a seguir, atuado nos bancos Econômico, Multiplic e BMG, atingindo o posto de diretor de investimentos e de administração de recursos de terceiros. É formado em Administração de Empresas e tem especialização em Finanças.


Sergio Rocha Ninio — Grupo Graham (Rio de Janeiro)
Investment picks — melhores investimentos no momento” (painel)
Sergio Rocha Ninio é fundador do Grupo Graham, um grupo brasileiro de investidores fundamentalistas com foco em valor que, desde 2004, interage trocando informações sobre investimentos. É especialista em Gestão de Pessoas e possui MBA em Finanças Corporativas pela Fundação Getulio Vargas.

Fale Conosco | © Value Investing Brasil C. T. Ltda.

Todo o material e conteúdo divulgados neste website e nos eventos realizados pela Value Investing Brasil C. T. Ltda. têm natureza meramente informativa (com objetivo de educar a comunidade brasileira de investidores com foco em valor), não deve ser considerado oferta de venda de qualquer valor mobiliário, fundo de investimento, título e/ou ativo (não constituindo o documento previsto na Instrução CVM 409 e alterações seguintes nem o prospecto previsto no Código ANBIMA de Regulação e Melhores Práticas para os fundos de investimento) e não caracteriza qualquer atividade de consultoria de valores mobiliários por parte da Value Investing Brasil C. T. Ltda., de seus executivos e/ou de outros profissionais que tenham seu trabalho reproduzido ou que sejam citados. A Value Investing Brasil C. T. Ltda. não se responsabiliza por informações incorretas que sejam reproduzidas. Decisões de investimento tomadas com base nas informações contidas no material e conteúdo aqui descritos são de responsabilidade exclusiva do investidor. A Value Investing Brasil C. T. Ltda. não comercializa nem distribui quotas de fundos de investimento ou qualquer outro ativo financeiro. Ações e fundos (e outros valores mobiliários como derivativos etc. e outros ativos como commodities etc.) são investimentos de altíssimo risco, podem resultar em significativas perdas patrimoniais para seus investidores e seu desempenho passado não garante resultados futuros.